+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal
pt Portuguese

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login
+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal
pt Portuguese

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login

Governo quer migração digital até Dezembro

Publica em:


O Conselho de Ministros realizou, hoje, a XVI sessão ordinária, na qual foram apreciadas e aprovadas várias matérias, das quais se destaca a conclusão do processo de migração digital afixado para até Dezembro.

Depois de vários prazos falhados para a efectivação do processo de migração digital da televisão, o Governo avançou mais prazos, indicando que, desta vez, o processo vai acontecer em duas fases, sendo que a primeira será até 30 de Setembro e a segunda até 31 de Dezembro do ano em curso.

Ainda nesta sessão, o Executivo aprovou, também, o decreto que autoriza a criação das Sociedades Comerciais entre Águas da Região do Norte, Sul, Centro e da Região Metropolitana do Grande Maputo. Esta decisão surge numa altura em que vários pontos do país enfrentam a falta de água potável.

Filimão Suaze, porta-voz do Conselho de Ministros, informou que o Governo actualizou o programa sobre as iniciativas juvenis, que vigorou entre 2005 e 2019, com o objectivo de conferir mais financiamentos aos jovens beneficiários.

“Uma das grandes inovações que este projecto traz é a definição de novas categorias de selecção, categorias A e B, sendo que, de acordo com o volume de negócios, a categoria A poderá beneficiar-se de um financiamento de até 50 salários mínimos e a categoria B, até 100 salários mínimos”, explicou Suaze.

Sem dar detalhes, o porta-voz disse que o Governo analisou, outrossim, a situação sobre o projecto de gás da Área quatro da Bacia do Rovuma e o nível de aplicação das medidas de prevenção do Coronavírus.

Fonte: 

Leave a Reply

0 Shares 101 views
Copy link
Powered by Social Snap