+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal
pt Portuguese

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login
+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal
pt Portuguese

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login

Variante indiana do coronavírus é detectada em 44 países, diz OMS

Publicado em: 11/05/2021


Versão do vírus chegou a 27 novos países desde 28 de abril. Nas últimas 24h, a Índia apresentou 3.876 óbitos devido à doença, número mais alto do planeta nesse período.

A variante do coronavírus detectada em outubro na Índia, B.1.617, já foi confirmada em 44 países – 27 novos desde 28 de abril -, de acordo com relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS) publicado nesta terça-feira (11).

O documento também apontou que “as sub-linhagens da B.1.617, como a B.1.617.1 e B.1.617.2, “parecem ter taxas maiores de transmissão”, com aumento rápido da prevalência já observado em vários países. As evidências científicas são classificadas como “moderadas” e precisam de mais estudos para confirmação definitiva.

Além da Índia, o Reino Unido foi o país que mais relatou casos sequenciados geneticamente da B.1.617 e, recentemente, informou que a B.1.617.2 é uma sub-linhagem preocupante nacionalmente. Nesta segunda-feira (10), o órgão de saúde internacional já havia classificado a versão do vírus como “preocupante em nível global“:

“Há informações de que a B.1.617 é mais contagiosa”, mas também existem elementos que permitem pensar que ela atenuaria as respostas dos anticorpos que combatem o vírus e, “portanto, nós a classificamos como uma variante preocupante em nível global“, afirmou a doutora Maria Van Kerkhove, responsável técnica do combate contra a Covid-19 na OMS.

Kerkhove ressaltou que faltam pesquisas sobre a variante indiana, principalmente com um sequenciamento genético mais completo “para saber a quantidade” que circula do vírus. Além disso, há a necessidade de investigar qual é o grau de “severidade” da B.1.617 na redução da resposta dos anticorpos contra a doença.

“Não temos nada que sugira que nossos diagnósticos, medicamentos e vacinas não estejam funcionando. E isso é importante”, frisou a cientista, que insistiu na manutenção de medidas sanitárias como o distanciamento social, uso de máscara e redução de contatos.

Situação na Índia

A nova cepa do vírus é suspeita de ser um dos aspectos que explicam a segunda onda de casos na Índia, que mergulhou em uma grave crise sanitária devido à pandemia da Covid-19.

 

De acordo com a OMS, a Índia contabiliza, desde o início da pandemia, 22.992.517 casos do Sars CoV-2, que resultaram em 249.992 mortes até esta terça-feira (11). Nas últimas 24h, o país apresentou 3.876 óbitos devido à doença, número mais alto do planeta nesse período.

Em março, o governo indiano falou em “fase final da pandemia” e flexibilizou as medidas de combate à Covid-19. O governo liberou comícios eleitorais e festivais religiosos mesmo com o aumento de contágios, e agora tem sido duramente criticado. Grandes aglomerações se formaram nas últimas semanas.

No final de abril, o país ultrapassou as 200 mil mortes e se tornou o 4º do mundo a atingir o índice. Estados Unidos, Brasil e México também superaram a marca.

Fonte:

Leave a Reply

0 Shares 67 views
Copy link
Powered by Social Snap