+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login
+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login

Moçambique vai introduzir 160 animais em parque do sul para turismo

 1,961 total views,  8 views today

Publicado:13/04/2022


A Administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC) de Moçambique vai introduzir este ano 160 animais no Parque Nacional do Zinave (PNZ), em Inhambane, no sul do país.

A introdução dos animais naquele parque visa dinamizar a atividade turística na província e consequentemente aumentar a arrecadação de receitas, além de postos de emprego para as comunidades locais, disse Elvira Chirindza, porta-voz do conselho provincial de representação do Estado em Inhambane, citada hoje pelo diário Notícias.

Dos 160 animais, 40 são elefantes, 75 são girafas e 45 rinocerontes, dos quais 30 brancos e 15 pretos, a serem translocados do Parque Nacional de Maputo, do Parque do Kruguer e Reserva de Manketti, na África do Sul.

De acordo com a responsável, foi feita uma avaliação do habitat para a adequação dos rinocerontes, estando também em curso a contratação de 34 novos fiscais para garantir a proteção e segurança dos animais.

Elvira Chirindza avançou ainda que vão ser adquiridas viaturas, rádios de comunicação digital, um helicóptero e construídos novos postos de fiscalização para garantir maior mobilidade, controlo e comunicação entre as equipas de fiscalização.

Ocupando uma área de mais de quatro mil quilómetros quadrados, o Parque Nacional do Zinave foi estabelecido em 1973 e é tido como um importante ponto de passagem para os mamíferos nómadas que cruzam o rio Save, na província de Inhambane, sul de Moçambique.

As autoridades estimam a existência no local de 200 espécies arbóreas e igual número de espécies de gramíneas e, entre os vários animais que podem ser vistos, destacam-se búfalo, porco-bravo, crocodilo, elefante, girafa, hipopótamo, impala e zebra.

Veja mais neste Site

Veja esta e mais NotÍcias

Leave a Reply