+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login
+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login

Moçambique: IATA avalia a segurança operacional na transportadora de bandeira LAM

 193 total views,  8 views today

Publicado: 08/07/2021


A International Air Transport Association (IATA) está a avaliar o cumprimento dos requisitos de segurança operacional da Mozambique Airlines (LAM), anunciou uma fonte oficial.

“Existem cinco auditores aqui sob mandato da IATA. Já estiveram nos nossos simuladores e estão a entrevistar-nos um a um para sabermos onde nos encontramos ”, disse João Jorge, director-geral da LAM, em declarações hoje à televisão moçambicana Televisão de Moçambique.

Segundo Jorge, a auditoria vai avaliar o cumprimento de mais de 1.200 requisitos do Certificado de Segurança Operacional (IOSA) para a sua renovação, que é feita a cada dois anos.

A auditoria, disse o diretor-geral, deve resultar na validação de oito seções de segurança, incluindo operações de voo, controle operacional e despacho de voo, engenharia e manutenção de aeronaves, operações de cabine, operações de carga e gestão de segurança.

A LAM já obteve o certificado IOSA sete vezes consecutivas, a primeira vez em 2007.

Em Junho, um problema numa das janelas frontais de um avião da LAM fez com que o avião regressasse ao seu aeroporto de origem, Pemba, no norte de Moçambique, durante o voo TM315 para Maputo, anunciaram na ocasião as autoridades.

Outra aeronave da LAM derrapou em fevereiro ao aterrar às 14h40 no aeroporto de Quelimane, na Zambézia, de Maputo, com 92 passageiros a bordo, num acidente que não causou feridos.

Fonte:

 

 

Leave a Reply