+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login
+258 84 422 6560 Info@safetravel.co.mz       | B2B Portal

Login

Sign Up

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Username*
Senha*
Confirmar Senha *
Nome*
Apelido*
Data de Nascimento *
Email*
Celular*
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Please agree to all the terms and conditions before proceeding to the next step

Already a member?

Login

Embaixadora americana na ONU confiante numa solução para situação em Moçambique

 725 total views,  4 views today

Publicado em: 19/05/21


Linda Thomas-Greenfield disse que os Estados Unidos estão muito preocupados com a situação e humanitária

A Administração Biden diz aguardar um fim rápido do conflito em Moçambique e a representante do país junto das Nações Unidas reiterou que Washington está comprometido com o Governo de Maputo para proteger civis e prevenir futuros ataques.

A embaixadora Linda Thomas-Greenfield fez estas declarações numa conferência virtual antes da reunião do Conselho de Segurança da ONU sobre paz e segurança em África, na quarta-feira, 19.

“Os Estados Unidos estão muito preocupados com a situação em Moçambique e estamos a trabalhar muito de perto com o Governo de Moçambique, organizações internacionais e organizações da sociedade civil no terreno para tentar encontrar uma solução (…) que ajude o Governo a enfrentar os ataques que tiveram lugar”, afirmou a antiga sub-secretária para Assuntos Africanos durante a Presidência de Barack Obama.

Thomas-Greenfield disse esperar que “sejamos capazes de enfrentar e chegar a uma conclusão satisfatória muito em breve”, para a resolução da crise, que, segundo ela, passa por “estar em contacto com comunidades fora do Governo central”, em particular aquelas que se encontram na “linha da frente” e assegurar que as comunidades “não estejam isoladas”.

Em relação à paz e segurança em África, a diplomata reiterou que os Estados Unidos são um “parceiro comprometido” para o continente.

A pandemia da Covid-19 será o ponto principal da reunião do Conselho de Segurança da ONU, que terá como principais oradores o secretário-geral, António Guterres, o administrador do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Achim Steiner, e um representante da União Africana, cujo nome não foi revelado.

Fonte:

logo

Leave a Reply